Mamoplastia redutora: a cirurgia plástica que diminui o tamanho das mamas

Médico com um fita métrica medindo um dos seios de uma mulher que pretende fazer uma mamoplastia redutora

Fazer uma cirurgia plástica vai muito além da vaidade ou estética. Pode ser uma questão de qualidade de vida, autoestima e, algumas vezes, necessidade médica.

A mamoplastia redutora está entre as muitas opções procuradas pelos pacientes. Ela pode ser a solução para quem está insatisfeito principalmente com o tamanho dos seios, mas também com questões como flacidez e textura da pele.

Além disso, quando as mamas são grandes, elas pesam o suficiente para gerar desconforto, dores na coluna e problemas com a postura.

Vamos abordar um pouco sobre esse tipo de cirurgia, que é rápida e segura, para que você possa tirar suas dúvidas e saber como funciona!

Como é feita a cirurgia para redução da mama?

O procedimento de mamoplastia redutora dura entre duas e três horas e é realizado sob sedação ou anestesia geral. Antes do procedimento, são realizados exames para certificar que o paciente goza de saúde necessária para a cirurgia ser bem-sucedida.

Passo a passo da mamoplastia redutora:

  1. anestesia – sedação e anestesia local, ou anestesia geral;
  2. incisões – existem diferentes tipos de incisão, de acordo com a necessidade. Elas podem ser posicionadas apenas em torno da aréola, estender-se para baixo ou ter formatos mais elaborados.
    Figura que representa 3 tipos de incisões no peito da mulher, a periareolar, a incisão em fechadura e a incisão em âncora. Elas são feitas no procedimento de mamoplastia redutora.
  3. Retirada do excesso de tecido e reposicionamento da mama.
  4. Suturas internas de sustentação.
  5. Sutura da pele.

Após a mamoplastia, o paciente fica em observação por algumas horas ou, em alguns casos, até o dia seguinte.

Mamoplastia redutora x Mastopexia

Enquanto a mamoplastia redutora tem como objetivo a redução do tamanho das mamas, a mastopexia eleva e melhora a sustentação dos seios. Em alguns casos, podem ser utilizadas próteses de silicone.

A indicação de cada procedimento depende de fatores individuais e do resultado almejado.

Cirurgia de mama deixa cicatriz?

Inevitavelmente, formam-se cicatrizes no local das incisões. No entanto, as marcas são mínimas e podem se tornar imperceptíveis com o passar do tempo. Vale ressaltar que a expertise do cirurgião também faz toda a diferença, assim como os cuidados durante a recuperação.

O resultado final pode ser observado de 3 a 6 meses após o procedimento.

Cuidados antes e depois da mamoplastia redutora

Existem recomendações e cuidados a serem seguidos em todas as etapas da mamoplastia redutora. A preparação começa 30 dias antes do procedimento e o pós-operatório requer atenção por até 60 dias.

Listamos abaixo alguns cuidados:

Pré-operatório

Seu cirurgião vai passar uma lista de recomendações. Entre elas, podem constar:

  • realizar todos os exames solicitados;
  • não fazer uso de medicamentos anticoagulantes (ex: aspirina), anti-inflamatórios, arnica e Ginkgo Biloba na semana anterior à cirurgia;
  • se for fumante, evitar o hábito por pelo menos 15 dias antes da cirurgia;
  • lavar o cabelo na véspera da cirurgia;
  • no dia anterior ao procedimento, fazer refeições leves e não ingerir bebidas alcoólicas;
  • fazer jejum de oito horas no dia da cirurgia.

No dia da cirurgia

  • Veja o que é necessário no dia da mamoplastia redutora:
  • apresentar os documentos e exames pré-operatórios;
  • ser acompanhado por um adulto;
  • não usar maquiagem;
  • usar roupas confortáveis;
  • levar os artigos solicitados pelo médico, como cinta e sutiã;
  • chegar ao hospital com duas horas de antecedência.

Pós-operatório

Para uma cicatrização completa e sem riscos, há recomendações importantes após a redução da mama:

  • repouso por alguns dias;
  • não pegar peso;
  • fazer uso da medicação indicada;
  • troca de curativos realizada no consultório, pelo médico;
  • não dormir de barriga para baixo e ter a cabeceira elevada com, pelo menos, dois travesseiros de apoio;
  • não se levantar bruscamente;
  • evitar elevações dos braços;
  • alimentação leve, com muitas frutas, líquidos e fibras;
  • é necessário o uso de um sutiã especial por 60 dias. Ele deve ser utilizado o tempo todo, inclusive para dormir;
  • a exposição das cicatrizes ao sol deve ser evitada por alguns meses. O prazo deve ser indicado pelo próprio cirurgião;
  • evitar dirigir automóveis por duas ou três semanas;
  • exercícios leves podem ser realizados a partir da 2ª semana. Musculação, ginástica e outros tipos de práticas que exigem muito do corpo são suspensas por até dois meses.

Período de recuperação

O período de recuperação é dividido nas seguintes fases:

  • período imediato (até 30 dias após a cirurgia): nessa fase, os hematomas e o inchaço pós-operatórios melhoram progressivamente;
  • período mediato (até o oitavo mês após a cirurgia): nesse período, pode haver uma perda de sensibilidade nos mamilos. As mamas já tomam a forma esperada;
  • período tardio (até o 18º mês após a cirurgia): as mamas atingem o aspecto definitivo no que diz respeito à cicatriz, consciência e elasticidade.

Cirurgia da redução de mamas em homens

Embora as mulheres estejam em maior número, a mamoplastia redutora também é realizada em homens. Em sua maioria, são casos de ginecomastia (aumento de mamas no homem).

Pode haver alguma complicação?

Toda cirurgia está sujeita a complicações, desde as mais simples às mais complexas. É fundamental ter isso em mente, seja para uma intervenção eletiva ou de emergência.

No caso da mamoplastia redutora, os riscos gerais são os mesmos de outras cirurgias, como reações à anestesia, sangramentos e infecções.

Complicações possíveis relacionadas ao procedimento são:

  • perda da sensibilidade nos mamilos;
  • cicatriz hipertrófica ou queloide;
  • deiscência da sutura (abertura dos pontos);
  • infecção.

No mais, em qualquer cirurgia plástica, o mais importante é que você converse com o seu médico. Ele será capaz de tirar suas dúvidas e lhe dar todas as informações necessárias para que você faça a redução mamária com tranquilidade e confiança!

E aí, gostou do texto? Para ler mais conteúdos como este, fique de olho em nosso Site e siga nossos perfis nas redes sociais (Facebook e Instagram)! Estamos te esperando.

Texto originalmente publicado no portal Convite à Saúde

Arquivos

Posts recentes

Comentários

    Redes Sociais

    WhatsApp chat